Postagens

Mostrando postagens de 2015

DEBATE GLOBAL ESQUENTANDO

Imagem
Desde que surgiram os encontros de cúpula chamados COP (Conference of Parties), chegamos à COP21, no qual quase todos os países do mundo tomam parte na tentativa, desta vez, de impedir o aumento do aquecimento global em 2ºC por parte da poluição industrial e consequente derretimmnto de gelo nas calotas polares, o que causará o aumento do nível dos mares, fazendo desaparecer países insulares pelos oceanos afora. Motivo de preocupação as populações desses países tem de sobra, bem como de regiões costeiras que poderão ter que se mudar com rapidez caso nada seja feito em forma de acordos multilaterais para conter o aumento da temperatura global. É para isso que os líderes mundiais estão reunidos em Paris desta vez, num clima não muito propício para discussões acerca do clima, quando a grande pauta mundial nesse momento é a crise no Oriente médio bem como a segurança nacional, ainda mais depois de uma série de ataques na capital francesa por radicais islâmicos.  Manifestantes do mundo int…

O TERROR REVISITADO

Imagem
Mal faz 225 anos desde a sangrenta fase do Terror na França dos idos da Revolução, o sangue volta a jorrar, desta vez pela mão dos infiéis que os ocidentais tanto combateram na época das Cuuzadas, cujo ponto departida foi nada mais nada menos que a própria França e seus arredores. Hoje, em pleno século XXI, o medo volta à cabeça e aos corações dos franceses e europeus de modo geral após uma série de atentados que os islamitas fanáticos autodenominados Estado Islãmico estão perpetrando em solo francês como represália às investidas militares para combater os terroristas domésticos em solo do Oriente Médio.
Os líderes mundiais de primeiro escalão estão atônitos com tanta prontidão para ataques sem aviso prévio e prometem guerra ao terror islâmico, o que pode vir a causar mais guerra com muito mais vítimas. Não se sabe se a opinião pública estará de pleno acordo com essa visão política que afetará muitos milhares de vidas dentro e fora do continente. A verdade é que os fundamentalistas n…